práticas de atendimento

PROTOCOLO DE PRIMEIROS SOCORROS CAB

PROTOCOLO DE PRIMEIROS SOCORROS CAB

Protocolo de primeiros socorros CAB Mudança da AHA de ABC para CAB O protocolo da CABD da American Heart 2015 foi comprovado na sua efetividade. E é muito importante nós que trabalhamos nessa área como bombeiro civil ou socorrista saber essa sequência que a American Heart produziu, em 2010 ela aplicou uma mudança do ABC pro CAB. A importância nessa troca, é que foi detectado que no protocolo antigo ABC, o tempo de resposta para iniciar a reanimação Cárdio pulmonar, chegava a 1 minuto de Continue lendo

COMO FAZER UMA AVALIAÇÃO RESPIRATÓRIA?

COMO FAZER UMA AVALIAÇÃO RESPIRATÓRIA?

Como fazer uma avaliação respiratória? A prioridade no atendimento de ventilações do paciente seja ele de origem clinica ou traumática vai nos levar a uma avaliação da gravidade desse paciente, pois quando temos um paciente que não consegue respirar com qualidade, teve uma expansão torácica voluntária e preenchimento dos pulmões com oxigênio, sempre deve nos remeter a um paciente com caso grave. Como tratar de um paciente com problemas respiratórios? Quando um paciente começa a respirar de maneira diferente na minha frente, eu tenho que Continue lendo

COMO APLICAR O DEA EM ADULTOS?

COMO APLICAR O DEA EM ADULTOS?

Como aplicar o DEA em adultos?   O desfibrilador externo automático pode e deve ser utilizado por pessoas que tem conhecimento. Não há necessidade de ter um médio presente para fazer o uso. Uma coisa é o cardioversor, do qual é preciso um médico para regular a carga que será ser aplicada no paciente. O desfibrilador externo automático (DEA) já vem com carga automática, também é automático em relação a interpretação do ritmo chocável, em outras palavras, ele vai determinar quando um paciente se encontra Continue lendo

CADEIA DE SOBREVIDA PRÉ E INTRA HOSPITALAR

CADEIA DE SOBREVIDA PRÉ E INTRA HOSPITALAR

    Cadeia de sobrevida Pré e Intra Hospitalar A American Heart criou duas cadeias de sobrevida, uma para paradas Cárdio Respiratórias Extra Hospitalar e a Intra Hospitalar. Primeiro serão abordados os conteúdos da cadeia de sobrevida Extra Hospitalar, explicando sobre sua importância, e para que serve. Para que assim você tenha certeza de qual é a sequência de um atendimento de uma vítima de parada Cárdio Respiratória. Paradas Cárdio Respiratórias Extra Hospitalar Iremos trabalhar com 4 elos, porém os 3 primeiros, são exclusivos para Continue lendo

O QUE É SAMPLE?

O QUE É SAMPLE?

O que é SAMPLE? O que é SAMPLE? É uma entrevista que é feita do paciente, e só será utilizado por pacientes conscientes, a não ser que tenhamos pessoas que sejam capazes de fornecer informações sobre quem estamos atendendo. SIGNIFICADO DAS SIGLAS S Cada letra do SAMPLE tem um significado, a letra S significa sintomas, pois precisamos saber o que o paciente está sentindo, seja o paciente que estivermos atendendo ­­de origem clinica ou traumática. O mesmo pode ter vários sintomas e ele pode relatar Continue lendo

COMO PROCEDER A UM OVACE EM CRIANÇA E LACTENTE?

COMO PROCEDER A UM OVACE EM CRIANÇA E LACTENTE?

Como proceder a um OVACE em criança e lactente? No meio médico, engasgo ou Obstrução de Vias Aéreas por Corpo Estranho (OVACE) é o bloqueio da traqueia de uma pessoa por um objeto estranho, vômito, sangue ou outros fluidos. Engasgo é considerado uma emergência médica. Geralmente os lactentes se afogam com o líquido. Um exemplo é o processo de amamentação, pois a criança na hora de mamar estará sugando e respirando ao mesmo tempo. Ele está usando a mesma via, e pode acontecer dele sugar e Continue lendo